Olá! Seja Bem Vindo!

Maceió, 16 de Junho de 2024

Noticias Semana Nacional do Registro Civil inicia com ações no Benedito Bentes

Semana Nacional do Registro Civil inicia com ações no Benedito Bentes


Dezenas de pessoas estiveram presentes, nesta segunda-feira (13), na Escola Municipal Paulo Henrique Costa Bandeira, no Benedito Bentes, para conseguir a primeira ou segunda via da certidão de nascimento e outros documentos, durante a 2° Semana Nacional do Registro Civil- Registre-se!.

A semana foi criada pela Corregedoria Nacional de Justiça e tem como objetivo enfrentar o sub-registro civil, bem como ampliar o acesso à documentação básica às pessoas em estado de vulnerabilidade. Em Maceió, ocorre nesta segunda e terça-feira (14). Já na quinta (16) e sexta-feira (17) é a vez da cidade de Palmeira dos Índios.

A edição deste ano é destinada principalmente a pessoas em situação de rua, populações indígenas, adolescentes do Sistema Socioeducativo e pré-egressos do Sistema Prisional.

"Essa semana tem como intuito fornecer a documentação básica à população de forma gratuita. A certidão de nascimento é a porta de entrada para o pessoa se tornar um cidadão e ter direito a diversos programas sociais, matricular-se na escola, acesso à saúde e tantos outros serviços. Os cartórios de registro civil tem esse papel importante e estamos aqui para ajudar", disse Wagner Falcão, presidente da Associação dos Registradores de Pessoas Naturais de Alagoas (Arpen-AL).

Taise da Silva, 27 anos, esteve na escola para tirar a segunda via da certidão de nascimento. A jovem está se preparando para o casamento civil e precisava da documentação. "Amanhã será a vez do meu noivo vir. Devido ao horário de trabalho não pôde está aqui comigo".

Para o Corregedor-Geral da Justiça de Alagoas, Des. Domingos Neto, a campanha ‘Registre-se!’ tem como objetivo resgatar a dignidade dos cidadãos. “Eu costumo dizer isso desde as minhas épocas de atuação itinerante, que o verdadeiro papel das entidades é o que envolve a identificação do cidadão".

De acordo com o juiz Anderson Passos, auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça de Alagoas, a campanha tem o intuito de alcançar públicos diversos e, principalmente, pessoas que nunca tiraram registros civis.

“Nós sabemos que muitas pessoas ainda não foram registradas e muito mais, ainda, são aquelas indocumentadas, que são as pessoas que já foram registradas mas não possuem esses registros porque perderam de alguma forma", colocou.

© 2024 - ARPEN Alagoas
Todos os direitos reservados.